Buscar
  • graandrade

Ontologia de pijama


Um amigo muito querido me enviou um convite irrecusável. Daqueles que a mão coça pra começar logo e em que o “sim” como resposta demora os segundos que o email leva para alcançar o destinatário. Participar de uma coletânea internacional falando sobre os enfrentamentos do “novo mundo” ao qual fomos confinados?


Simmmmmmm, eu adoraria!


Como de costume as ideias pipocaram. Decidi falar sobre tempo. Um ensaio reflexivo que tinha como ponto de partida a compressão do espaço-tempo a partir da inserção cotidiana das tecnologias da informação e sua derivação no contexto de confinamento. Ficou bonito, né? Parece inteligente, né? Massa, é isso.




Pronto, agora é só escrever. Nossa, estou cheia de ideias boas. Começo amanhã.


Opa, não deu. Sabe como é, trabalho remoto, duas crianças pequenas, afazeres domésticos, orientação de aluno, lançamento de livro, encomenda de tela... Sem problemas, aproveito o fim de semana e faço isso rapidinho.


Ixi, não deu. Para escrever eu preciso de tempo dilatado e não picado. Tempo picado não funciona na minha escrita. Não dá pra escrever uma frase e dar banho na criança. Escrever outra e fazer almoço. Por a roupa pra bater e fechar a introdução. E pro parquinho levando notebook. Por o bebê no colo e, depois da reunião, escrever um novo parágrafo. Muitas tentativas e nenhum acerto ainda.


Mas, calma. Daqui a pouco o texto vem. Vai sair feito psicografia, de uma vez só, basta encontrar um tempinho de dedicação. Sonho.


Faço a noite, depois que fizer o jantar, depois que as crianças dormirem, depois que eu tomar banho, depois que conversar com o marido, depois que der o leite da pequena, depois que... ops, dormi. Energia na reserva.


O quê? Já acabou o prazo? Inacreditável. Foi outro dia que recebi o convite. A ideia está pronta, é perfeita, vai ficar ótimo! Eu sempre cumpro prazos. O que está acontecendo comigo?


É isso. É sobre o que está acontecendo comigo.


Editor-amigo-do-meu-coração me dá mais um tempinho pelamordedadá, quero muito participar!


Simmmmmmmmmmm.


Vai com o tanque na reserva mesmo.


Trancada na sala, percebendo e ignorando todo o movimento da casa, assimilando as interrupções, me rendi ao tempo-espaço do confinamento e escrevi.

Tempo: uma breve ontologia de pijama.


ebook gratuito produzido pela editora Aquarela Brasileira

pessoas como eu e você, sobrevivendo a pandemia


http://aquarelabrasileira.com.br/propostas-novas-para-novos-mundos/


#graandrade #literatura #grazielaandrade #editoraaquarelabrasileira #wagnermerije #artenapandemia #literaturapandemia

14 visualizações

 2020 by  graandrade, Belo Horizonte, MG, Brasil.

  • Facebook Gra Andrade Artista TicTic Livro Infantil História Estória Crianças
  • Instagram Gra Andrade Artista TicTic Livro Infantil História Estória Crianças